São Marcos - RS - Prefeitura Municipal

 

INFORMAÇÕES TUBERCULOSE

20/07/2016

A tuberculose é uma doença contagiosa, causada pelo Mycobacterium tuberculosis que atinge principalmente os pulmões (tuberculose pulmonar), podendo também se localizar em outros órgãos como os ossos, rins e meninges chamada de tuberculose extrapulmonar.

Dados liberados pelo Programa de Controle de Tuberculose do RS apontam que no ano de 2010 a 2012 houveram 3 casos de tuberculose por ano em São Marcos. Em 2013 houve um elevado aumento onde foram notificados 12 casos, em 2014 foram 11 casos, no ano de 2015 ocorreu um pico, onde foram notificados 17 casos. Neste ano de 2016, já foram notificados 6 casos de tuberculose. Os dados apontam que fazendo um comparativo em relação a 2010 e 2015 houve um aumento de 566,66% de casos de tuberculose em nossa cidade.

É transmitida pelo ar quando a pessoa fala, canta, tosse ou espirra. Pode ser adquirida por contato direto e permanente com o paciente em ambiente fechado, com pouca ventilação e com ausência de luz solar, o que aumenta as chances de a outra pessoa ser infectada.

Os principais sintomas são tosse (por mais de três semanas) com ou sem catarro, cansaço, emagrecimento, febre e suores noturnos, além disso, pode causar perda de apetite, dores no peito, nas costas e, às vezes, escarro com sangue.

Quando a tosse durar mais de 3 semanas essa pessoa já é considerada como sintomático respiratório e deve se apresentar na unidade de saúde. Uma vez identificado o risco, será solicitado um exame de escarro que, se for positivo, indica tuberculose pulmonar.

Uma das formas de prevenção é a vacinação. A vacina BCG é indicada para crianças ao nascer e no máximo aos 4 anos 11 meses e 29 dias. Ela é administrada pela via intradérmica (embaixo da pele) no braço direito da criança ainda na maternidade ou centro de saúde. A BCG diminui o aparecimento de formas graves da doença em crianças e adultos jovens.

Quando a pessoa contrai a Tuberculose, necessita de atendimento qualificado e contínuo. Ela poderá receber atendimento médico e de enfermagem nas unidades de saúde além de realizar os exames e retirar as medicações de forma gratuita pelo SUS.

A tuberculose é uma doença grave, mas que tem cura. O uso correto dos medicamentos, todos os dias durante, no mínimo, seis meses, garante o sucesso do tratamento. O uso incorreto ou a interrupção do tratamento sem ordem médica leva ao aparecimento de bacilos resistentes, o que dificulta a cura. As pessoas que iniciam o tratamento e não completam permanecem transmitindo a doença para os demais do seu convívio: crianças, idosos, gestantes, e adultos. Além disso, correm o risco de adoecer de forma grave e inevitavelmente vir a morrer pela falta da adesão ao tratamento.

Alertamos a população que está com sintomas respiratórios há mais de três semanas, emagrecimento, suor noturno e febre no final do dia para que busque o posto de saúde mais próximo de sua casa e realize o exame de escarro. Ele é rápido, fácil, seguro e gratuito. VACINE-SE!

Imagem: Internet


Voltar Voltar
zgraf.net